Pular para o conteúdo principal

Pitágoras de Samos

O teorema de Pitágoras.

 https://geniosdaciencia.bioorbis.org/2019/04/pitagoras-de-samos.html
Pitágoras. Fonte da imagem: acervofilosofico.

Nome: Pitágoras de Samos 

Nascimento: ca. 571 a.C. – 570 a.C. 
Local: Samos 
Morte: ca. 500 a.C. – 490 a.C. 

Área: Matemática, Metafísica, Música 

Teorias/trabalhos: Teorema de Pitágoras, Proporção áurea, Música Universalis 

Influências: Filolau, Alcmeón, Parmênides, Platão, Euclides, Empédlocles, Hipaso, Kepler.

Ὁ Πυθαγόρας ὁ Σάμιος - Pitágoras


Busto-de-Pitágoras
Busto de Pitágoras. Fonte da imagem: contandoemnumeros.

Nascido na ilha grega de Samos, sua mãe se chamava Pythais e seu pai Mnesarchus era um mercador da cidade de Tiro, além de Pitágoras havia outros dois ou três filhos. Pitágoras passou a infância em Samos embora tenha viajado bastante com seu pai; ele foi treinado pelos melhores professores, alguns deles filósofos. Tocava Lira, aprendeu aritmética, geometria, astronomia e poesia. Foi orientado na cidade grega de Mileto por um dos maiores filósofos pré-socráticos: Tales de Mileto.



No entanto, suas ideias revolucionárias para a época o levaram a ser perseguido. Nesse momento, mudou-se para Crotona (sul da Itália) região conhecida como Magna Grécia. Foi ali que fundou uma escola de caráter místico-filosófico que ficou conhecida como “Escola Pitagórica”. Entretanto, foi perseguido novamente, deixando Crotona e partindo para o Egito, onde ao observar as pirâmides, criou o Teorema de Pitágoras. O filósofo faleceu em Metaponto, na região sul da Itália, em 490 a.C. com aproximadamente 80 anos.

PITAGORISMO


Segundo Pitágoras, os números são a base da vida na terra. Mediante suas ideias surge o Pitagorismo (ou Escola Pitagórica), sendo os pitagóricos seus seguidores, dos quais se destacam: Temistocleia, Filolau de Crotona, Arquitas de Tarento, Alcmeão e Melissa. Na escola, ele ministrou aulas nas áreas matemática (aritmética e geometria), astronomia, música, filosofia, política, religião e moral.



Segundo o matemático grego, os números representavam a harmonia e a ordem, ou seja, eram considerados a essência de todas as coisas. Essa teoria de Pitágoras surgiu da observação entre a harmonia dos acordes musicais.

Pitágoras-pormenor-escola-Atenas-de-Rafael
Pitágoras, pormenor d'A escola de Atenas de Rafael (1509) . Fonte da imagem: wikipedia.

Os pitagóricos acreditavam que essa concepção não era meramente matemática, mas também mística e espiritual. Nesse sentido, eles desenvolveram uma concepção espiritual da existência humana, donde a alma é libertada do corpo após a morte. Ou seja, eles acreditavam na reencarnação e no desenvolvimento das virtudes humanas enquanto a alma estava aprisionada ao corpo durante a vida. Como resultado, os homens poderiam reencarnar numa forma de existência mais elevada, conforme as virtudes conquistadas durante a trajetória terrena. Além do famoso "Teorema de Pitágoras", os pitagóricos descobriram os números figurados e os números perfeitos.



Na área da astronomia, Pitágoras também avançou com questões sobre a esfericidade do planeta Terra e o deslocamento dos astros utilizando conceitos matemáticos. Essa teoria baseada num cosmo harmônico ficou conhecida como “Teoria da Harmonia das Esferas”.

"TUDO SÃO NÚMEROS"


Os pitagóricos imaginavam os números como pontos que determinam formas. Foi uma espécie de "atomismo matemático" que levou Aristóteles a dizer que para eles os números eram elementos constitutivos da matéria.

De qualquer modo, eles não se contentavam em dizer, frases, demonstraram que era necessário provar e verificar geometricamente um enunciado matemático, ou seja, enunciá-lo como um teorema; por exemplo: a soma dos ângulos internos de um triângulo é igual à soma de dois ângulos retos (a + b + c = 180º); a superfície de um quadrado é igual à multiplicação de um lado por si mesmo, donde a expressão "elevar ao quadrado" : 2 x 2 = 2²; o volume de um cubo é igual à sua aresta multiplicada três vezes por si mesma 2 x 2 x 2 = 2³, o que originou a expressão "elevar ao cubo".

Os pitagóricos também mostraram que música e matemática são parentes; e comprimento e matemática são parentes; e comprimento e a tensão das cordas de uma lira, or exemplo, podem ser convertidos em expressões matemáticas.

A escola de Samos acreditava na transmigração da alma: quando um homem morre , sua lama passa para outro, ou para um animal. Só pela vida "pura" a alma poderia libertar-se  do corpo e viver no céu. E vida pura significava, para eles, austeridade. Diziam os seus adeptos: "Honra teu pai e tua mãe. Acostuma-te a dominar a fome, o sono, a preguiça e a cólera". Mas acreditavam igualmente numa série de superstições: não comer carne, por causa da reencarnação, não comer favas, não atiçar o fogo com ferro, não erguer algo caído do chão.

Melhor meio de purificar a alma, ensinava Pitágoras, era a música. O Universo - afirmava - era uma escala, ou número musical, cuja própria existência se devia à sua harmonia.

Como astrônomo, seu principal mérito foi conceber o Universo em movimento. Como teórico de medicina, achava que o corpo humano era constituído basicamente por uma harmonia: homem doente era sinal de harmonia rompida. Como filósofo, deu origem a uma corrente que se desenvolveu durante os séculos seguintes, inspirando - entre os principais pensadores gregos - inclusive o famoso Platão.

TEOREMA DE PITÁGORAS


Um dos mais importantes teoremas da geometria é o Teorema de Pitágoras. É representado pela fórmula (c²= a²+b²) sendo seu enunciado descrito da seguinte maneira:

teorema-Pitágoras
Teorema de Pitágoras: wikipedia.

No triângulo retângulo, composto por um ângulo interno de 90° (ângulo reto), a soma dos quadrados de seus catetos corresponde ao quadrado de sua hipotenusa.”

Referências 
Sites: acervofilosofico; todamateria; wikipedia. 

Para finalizar veja um vídeo do canal Conhecimentos da Humanidade sobre ele:


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Marie Curie

Barbara McClintock

Leonardo da Vinci